O que te faz sofrer? (Excesso de peso)

"Fico muito triste quando me dizem que estou gordinha ou quando vou a uma loja e AQUELAS calças que queria não me servem" por exemplo.

"Eu sou um gordinho saudável" já ouviste alguém dizer isto?
Infelizmente essa pessoa estava a mentir-te e a mentir a si mesma, porque isso não existe.

Se em vez de saudável me dissessem que eram felizes e que se aceitavam como são, isso sim poderia ser válido. Há quem veja ainda o excesso de peso como sendo algo somente visual, que só influência o nosso aspecto físico e a imagem que os outros têm de nós. Mas claro que a gordura a mais é muito mais que isso.



Até que ponto queres viver a tua vida dessa forma? O nosso cérebro foi feito para evitar a dor e o sofrimento. Existem pessoas que têm uma noção de quem são e do seu propósito de vida tão baixo, que não evolui e aceita viver triste toda a vida (alias, não vive, sobrevive).


Se realmente queres mudar de vida, precisas de saber o que te magoa, o que te faz sofrer. Dói-te quando alguém te rebaixa? quando vais ás lojas e não te servem as roupas que querias? Então se te dói, tens que mudar e te auto-motivar para agir...não andamos cá para sofrer!!!


Para te libertares desse sofrimento que podes estar a sentir neste momento, a solução passa por te aceitares como és. Quando compreenderes quais são as tuas falhas, os teus pontos menos fortes e aceitares tudo isso, vais ver a possibilidade de crescimento, de melhoria, de verdadeira evolução!

Cada situação que passas na vida é uma oportunidade de crescimento.
As pessoas que engordam normalmente colocam os maiores prazeres da vida, na comida. Dizem por exemplo: "Não resisto ao chocolate", ora será que um chocolate é mais forte que tu?!

Qual foi o dia que passaste a deixar de lado as boas oportunidades de seres feliz ou os enormes prazeres da vida e passaste a olhar só para os teus problemas? Isso sim é que te engorda e te faz sofrer. 


O nosso foco nunca pode ser no que não queremos mas sim naquilo que queremos alcançar. 


Para terminar, quero apenas relembrar-te de algo muito importante e que provavelmente tentas evitar pensar: A culpa do que tens, dos teus resultados, da vida que tens, dos problemas que tens e até da imagem que tens será sempre somente tua. 

Esquece justificares as tuas acções (ou a falta delas), na médica que não te compreende, no marido que não te ajuda, na chefe que te chateia, nos produtos que usas, qualquer coisa...porque lembra-te: a culpa é somente TUA, por mais que te custe aceitar isso.

E não digo isto com um sentido negativo, mas sim com esperança que te faça reflectir sobre o que andas a fazer por ti. 

Por exemplo: Se mentires à tua nutricionista sobre o que comeste ou as quantidades que comeste durante a semana, a responsabilidade é tua - o problema será só teu e para a tua saúde.  Devemos ser honestos não só connosco mas também com os que nos querem ajudar de alguma forma. Porque no final, quem perde mais és tu.

Sem comentários :

Enviar um comentário